Tratamentos Não Cirúrgicos

“Não sei o que acontece. Não como muito e só estou engordando, engordando... e engordando. Ninguém acredita quando conto que como só uma vez por dia. Dizem que se eu fechasse a boca emagreceria. Sinto-me um lixo!... Vai ver sou mesmo sem vergonha e fraca...”

“Eu perco o controle quando começo a comer. É mais forte do que eu. Já cheguei a comer direto na panela e com colher. É horrível!”

“Eu belisco o dia todo, principalmente quando estou nervoso. Com tanta coisa gostosa é impossível parar de beliscar.Adoro chocolate e geralmente ele me acalma. Não agüento mais críticas, por isso como escondido.”

“Já fiz todo tipo de dieta (do sol, da lua, espiritual, do carboidrato, da proteína,etc.). Já tomei muito remédio para emagrecer e é sempre a mesma coisa: emagreço um pouco, por um tempo e depois engordo o dobro.Sinto que começo bem os regimes e não consigo continuar... Estou desanimado.”

Depoimentos de pacientes

Se em algum momento de sua vida você já disse ou pensou como as pessoas acima, é importante saber que a situação pode mudar.

A obesidade é um problema mundial, com diversas causas e que, além de afetar a saúde física, provoca um grande dano à autoestima, podendo também gerar transtornos de humor e ansiedade (como depressão, pânico e fobias). Por vivermos numa sociedade que cultua excessivamente a beleza física (atualmente associada à magreza), a pessoa obesa enfrenta muitos preconceitos.

Aspectos emocionais influenciam nossa escolha alimentar (tanto em quantidade quanto em qualidade). Crenças pessoais negativas e hábitos inadequados de vida aliam-se para sabotar as metas de emagrecimento.

Emagrecer e manter-se magro, de forma saudável, não é tarefa fácil a ser conseguida através de meios miraculosos ou das rápidas dietas da moda. Quando lançamos mão de tais meios porque “queremos emagrecer o suficiente para entrar naquela roupa e ir aquela festa”, a experiência mostra que, assim que a festa termina, voltamos a comer da maneira anterior à ela e, consequentemente, há reganho de peso.

O emagrecimento duradouro envolve mudanças pessoais específicas e isso dificilmente pode ser conseguido a curto prazo e sem ajuda multiprofissional.

Pensando nisso, nossa equipe especializada no tratamento da obesidade desenvolveu o programa “De bem com a balança”.

A quem se destina:

Pessoas obesas que :

  1. 1. Já experimentaram vários métodos de tratamentos para emagrecer, sem obter resultados efetivos;

  2. 2. Não tenham indicação para cirurgia bariátrica;

  3. 3. Embora tenham indicação cirúrgica, desejam perder peso sem submeter-se à ela;

  4. 4. Estão em preparo cirúrgico, mas precisam perder 10% do peso antes da realização da cirurgia;

  5. 5. Passaram por cirurgia bariátrica e reganharam peso.

Objetivo

Oferecer um método de tratamento da obesidade que o auxilie a reconhecer as relações estabelecidas diariamente entre os estados emocionais, os conflitos interpessoais, aspectos físicos, orgânicos e os hábitos alimentares, visando promover as mudanças de hábitos necessárias para emagrecer e manter-se magro.